quarta-feira, 29 de abril de 2015

CUSTO DO CAMINHÃO - PNEUS


A Escolha
   A importância do pneu correto, tanto pela sua utilização quanto a sua durabilidade é muito importante para a manutenção do negócio das transportadoras. Afinal o pneu é o segundo maior custo de uma frota após o combustível e mais uma vez se faz importante a escolha do pneu correto uma vez que já existe no mercado pneus que ajudam em até seis por cento na economia de combustível.

O custo
   Um outro aspecto que o empresário deve ficar muito atento é que o que faz um pneu ser bom e barato é exatamente o quanto ele rende em quilômetros. em outras palavras quanto este pneu te custa a cada quilometro rodado, alguns chamam isto de custo quilométrico é onde você dividi o preço do pneu novo e de suas reformas e o quanto ele rodou até sua carcaça não servir mais ou mesmo for vendida e o pneu que der o menor valor é o que de fato é o mais barato. O que nos leva a seguinte conclusão é possível que o pneu que tenha o menor desembolso inicial se mostre o mais caro no final de sua vida util.

O Controle
   Imagine o cenário uma frota de cinquenta caminhões truck ou seja quinhentos pneus no solo e o proprietário deste patrimônio não tem controle de troca, rodagem, reforma ou mesmo de que pneu esta em que carro qual séria a possibilidade de prejuízo deste empresário em um ano. Muito grande afinal só em pneu sem contar rodas, câmeras de ar e válvulas ele teria no mínimo quinhentos mil reais rodando por ai sem o menor controle ou conhecimento de suas ocorrências. O pior de tudo é que esta situação ocorre todos os dias nas empresas onde sua direção ver o pneu como uma commodity ou até mesmo como um mal necessário.

   A questão é que esta situação é um grande erro, pois existe centenas de pneus diferentes estas diferenças começão no composto da borracha, passam pela estrutura da carcaça chegando na utilização.

   É neste momento que chegamos a pessoa do controlador é o profissional que sabe quanto cada pneu rende em quilometragem, a hora do rodízio (pode ser na própria roda, no eixo ou entre eixos), verifica o momento e a possibilidade de ressulcagem( explicaremos posteriormente), a hora da reforma, onde e quando foi colocado cada pneu e finalmente e não menos importante ao contrario é o ponto crucial qual o custo de cada quilômetro rodado.

   Com o controle e a comparação dos diversos tipos e marcas de combustível, Heitor conseguiu reduzir em mais de dois centavos o custo de cada quilômetro rodado. Esta redução representa, aproximadamente, quatro vezes tudo que o seu caminhão gasta com óleo lubrificante, ou um terço de tudo que ele gasta com manutenção ou, ainda, 70% de tudo que o seu caminhão gasta com pneus.



A economia obtida com o diesel deixou nosso amigo animado, ao ponto dele comparar outros gastos, como os pneus, por exemplo. Em suas anotações havia os seguintes dados para calcular o custo por quilômetro com pneus.

Preço do pneu novo
R$ 570,00
Durabilidade do pneu novo em quilômetros
80.000 km
Preço da recapagem
R$ 150,00
Durabilidade de cada pneu recapado em quilômetros
75.000 km

Como ele conseguiu estes valores?

Da mesma forma que todos os carreteiro controlam os gastos do seu caminhão, ou seja, olhando nas suas anotações ele sabe o quanto pagou pelo pneu novo, e o quanto pagou por cada recapagem.

A durabilidade dos pneus novos e recapeados foi obtida da seguinte forma:

km do odômetro
205.000
quando o pneu
saiu liso
-
km do odômetro
105.000
quando o pneu
começou a rodar
=
Durabilidade do
100.000
pneu em km

A durabilidade é o quanto o pneu durou efetivamente rodando, não o quanto o fabricante ou seus colegas lhe falam. Da mesma maneira, ele obteve o quanto durou o pneu novo e o recapado e também quantas recapagens se consegue com uma carcaça.

Como Heitor conseguiu achar o custo por km dos seus pneus?

Pneu novo
1ª. recapagem
2ª. recapagem
3ª. recapagem

Total
Preço
R$ 570,00
R$ 150,00
R$ 150,00
_____________
R$ 870,00


+
Durabilidade (km)
80.000
75.000
1.000
____________
156.000


+

Neste caso, Heitor só recapou o pneu duas vezes, pois na segunda reforma o pneu rodou 1.000 km e estourou, por isso ele não colocou nem o valor nem a durabilidade da terceira recapagem.
Custo por quilômetro com pneus

Quantidade de pneus
10
do caminhão
x
Preço
R$ 870,00
Total
:
Durabilidade
156.000
Total em km
=
Custo de pneu
0,0558
por km

Por que o Heitor multiplicou pela quantidade de pneus do caminhão?

Porque, infelizmente, nem motocicleta roda com um pneu só e no seu caso ele está rodando com um truck que tem 10 pneus.

Heitor chegou, então, a um custo de R$ 0,0558 por quilômetro com pneus, ou seja, cada quilômetro que seu caminhão rodava ele gastava aproximadamente cinco centavos e meio com pneus.

Fonte:http://www.revistaocarreteiro.com.br/pages.php?recid=21